desaBAPHO

Ia ser a minha primeira vez, mas desloquei o ombro quando virei de bunda

Ia ser a minha primeira vez, mas desloquei o ombro quando virei de bunda

Olá, Tenho 22 anos e ainda sou virgem. Fiquei traumatizado com a minha primeira – quase – experiência e até hoje tenho medo de tentar de novo… O que aconteceu foi o seguinte: quando eu tinha 19 anos, comecei a sair com um rapaz mais ou menos da minha idade. Ele foi sempre super fofo comigo. No nosso primeiro “date”,  fomos ao cinema e depois na praia. Lá rolou uma pegação, uma mão boa, uma boca boba, mas nada de penetração! rsrs No dia seguinte, ele me ligou Continue lendo

Estou noivo, mas dou para o motorista de ônibus

Estou noivo, mas dou para o motorista de ônibus

Bem amadas, primeiramente gostaria de dizer que amei a criação desta seção desabafo, onde nós, as gays, poderemos nos abrir. Embora façamos isso sempre em outros lugares, se é que me entendem… rsrs E aí vai a minha primeira confissão: ontem à tarde me deitei com um homem casado. Ele é motorista de ônibus e tem 32 anos.  Foi ótimo, porém tem um detalhe que não me sai da cabeça… Quando eu estou com ele, a minha consciência pesa pelo fato de ele ser casado Continue lendo

Faço sexo por telefone com homens heteros me passando por mulher

Faço sexo por telefone com homens heteros me passando por mulher

Sou gay e tem uma coisa que amo fazer e tem muuuuuito heterossexual que topa, gosta e acaba gozando também. Hmmm, confesso que somente de lembrar o que faço a minha “bucetinha” pisca e logo você entenderá o porquê… Pois bem, costumo acessar salas de bate papo na internet, de tema sexo hétero, e me passar por mulher. Os nicks são os mais variados: #bia28SP; #gabiputa; #aninhaoral #biasxfoneSP e por aí vai…. Bom, daí começo aquele bom papo com os bofes. Quando a conversa começa a esquentar, Continue lendo

Fiz boquete no namorado da minha melhor amiga enquanto ele dormia

Fiz boquete no namorado da minha melhor amiga enquanto ele dormia

Aconteceu durante uma festa na casa dele (o namorado da minha melhor amiga). E sim, ela é a minha melhor amiga! Amiga de infância, de todas as horas. Dos bons e maus momentos. Inclusive eu fui o cupido da relação e apresentei os dois. Eis que, nesse dia, eu tinha bebido demais e acabei dormindo na casa dele… e na mesma cama! No meio da noite, rolou uma mão boba (a minha, no caso) dentro do shorts dele. E não parou por aí… fiz um quase boquete. Continue lendo