Os 10 mandamentos para satisfazer um ativo

mandamentos-gay-passivo-satisfazer-ativo

Você faz a linha generoso? Gosta mesmo é de dar sem precisar comer nada em troca? Então, gatíssima, este artigo é para você!

Engana-se quem pensa que para ser passivo basta deitar-se de barriga para baixo e deixar que o parceiro faça todo o trabalho. Entender o desejo de um homem ativo vai mais além de só responder a um instinto sexual.

Dar o cu também é uma arte.

Por isso, depois de muitos pedidos, hoje falaremos dos 10 mandamentos do bom passivo:

#1. Nós dois somos homens

Tudo bem que quem está penetrando é ele, e que tudo que você quer é ser dominado.  Agora, isso não quer dizer que você é o lado mais sensível da relação, nem o mais feminino, nem o mais submisso.

Ser passivo é uma modalidade sexual que não tem nada a ver com classificações ou estereótipos criados pela sociedade.

Acabe já com o mito de que o gay “macho” é ativo e o gay “feminino” é passivo! Jeitos/trejeitos e sexo nem sempre têm uma correspondência óbvia.

E nada de também achar que só porque é a parte dominada não precisa pagar a conta, gata. Os dois são homens, os dois têm direitos e deveres iguais. Sempre bom lembrar.

#2. Chuca, a minha melhor amiga

Passivo precavido é passivo que faz a chuca.

Sim, acidentes acontecem e, sim, você pode optar por não fazê-la. Mas esteja ciente de que um pagamento de pré-datado, principalmente nas primeiras transas, pode deixar uma má impressão no parceiro (além de um pouco de merda grudada na rola dele, claro). Sem falar que você estará correndo o risco de passar uma por situação constrangedora desnecessariamente.

Vale salientar que a questão não é apenas estar limpo. Mas sim sentir-se limpo e começar a relação sexual sem mais essa preocupação em mente. Quando você tira a ideia de possíveis acidentes da cabeça, consegue relaxar bem mais e focar no principal: o seu prazer.

Por isso, passe a considerar a boa limpeza anal horas antes de dar o cu. Pode ser com o chuveirinho, com o kit enema da farmácia, ou até uma vapt chuca com os dedos no banho, não importa.

O que interessa de verdade é que você esteja confortável para receber a neca do boy sem medo de que, literalmente, dê merda.

Leia também:
[Como fazer a chuca: O guia definitivo]

#3. Se eu não sei do que gosto, como ele vai saber

Daí você reclama que o boy é muito ruim de cama, que não sabe como te satisfazer, mas nunca tentou fazer sexo com você mesmo. Se nem você sabe do que gosta, o que te excita, como espera que ele saiba?

Passivo atinado é aquele que, antes de liberar o edi, aproveita para dedicar mais tempo juntinho dele. Que não tem problemas com o sexo a um e reconhece a importância de se tocar, se conhecer, se descobrir.

Masturbação é algo natural e extremamente saudável. Tocar o próprio corpo em busca de excitação é também uma forma de se desenvolver sexualmente.

#4. Encontrar a posição ideal é função dos dois

Não há posição certa ou errada, o que existe são posições ideais para cada casal. E descobrir quais são aquelas que se encaixam mais a você e ao seu parceiro (juntos) também é sua responsabilidade.

Um erro comum dos passivos é achar que só os ativos podem conduzir o sexo. Não! Você pode, na verdade, deve indicar como gosta de ser enrabado.

Se você tem problemas para relaxar ou sente dor, por exemplo, experimente começar sentado no ativo. É uma boa forma de controlar a profundidade da penetração até que se sinta à vontade para arriscar posições mais ousadas.

#5. Sou passivo, mas também sei dominar

Na mesma linha do mandamento anterior, ser passivo não significa não poder tomar controle da situação. Pelo contrário, muitos ativos, inclusive, gostam de ser dominados às vezes.

Experimente inverter os papeis e montar em cima do seu boy. Você descobrirá o quão excitante pode ser para ambos.

Dica: Alterne a velocidade da penetração para “provocar” o parceiro.

#6. Não há vergonha entre quatro paredes

Na cama não há espaço para timidez. Fale o que você gosta, o que te excita. Leve a mão dele aos lugares onde você quer aquela carícia safada.

Passivo bom é aquele que desfruta da sua sexualidade com total liberdade, sem culpas e sem tabus.

Faça do sexo uma interpretação real das suas próprias fantasias.

#7. Motivação auditiva faz parte da experiência

A maioria dos ativos detesta transar com alguém que fica em silêncio o tempo todo. É o mesmo que ter um peso morto em cima da cama. Se você tem vergonha de gritar e falar umas putarias, pelo menos faça algum tipo de gemido para mostrar que está ali.

Agora, se você quer deixar o boy nas nuvens, sussurre no seu ouvido o quanto lhe deseja e o quanto quer ter a sua neca do lado de dentro.

Todo ativo também adora que seu parceiro grite de tesão quando está perto de gozar. É a prova de que ele, como bom macho alfa penetrador, está cumprindo o seu papel de maneira 5 stars.

#8. Desço até as bolas

Tem muito passivo que se nega, mas a maioria dos ativos está de acordo que sexo oral top é aquele que inclui os testículos no pacote.

Sim, os testículos do homem são altamente sensíveis e podem ser uma ótima fonte de prazer.

Quer deixar o seu boy louco? Baixe para as bolas! Não tenha medo nem nojo, gata. Se é para fazer, faça bem feito e ganhe de vez a sua fama de boqueteira do bairro.

#9. Provo, depois digo que não gosto

Ai por quê? Eu não faço isso! Que nojo! Que vergonha!

Ok, ninguém é obrigado a fazer o que não quer entre quatro paredes.  Quanto a isso, não tem discussão. Discutível mesmo é quando alguém já julga que não vai gostar de algo sem nem antes experimentar.

É sempre bom explorar algumas práticas que às vezes evitamos por medo ou constrangimento. Você pode se surpreender com o prazer que está escondido aqui e ali.

Deixe de lado orgulhos e preconceito que te impedem de ir mais além e dê espaço para novas experiências. Permita-se!

Leia também:
[7 segredos para engolir esperma sem nojo]

#10. Sem balão, não tem festa

De nada adianta ser o melhor passivo do mundo, mestre dos movimentos e expert nas 9 dicas anteriores, se deixa passar a regra mais básica: proteção!

Passivo que se respeita e deseja relações satisfatórias usa camisinha, SEMPRE!

Leia também:
[Os 10 mandamentos para satisfazer um passivo]

Qual é a sua opinião?

E você, o que acha?

Participe da discussão abaixo deste post 🙂

Agora, me diga:
Você está afim de relacionamento sério?

Então, que tal saber mais sobre como arrumar um namorado no menor tempo possível e evitar mais frustrações amorosas? 

Chegou a hora de conhecer a sua outra metade gay da laranja! Você pode se tornar irresistivelmente atraente para as os boys, desenvolvendo suas características e tomando as atitudes certas.

Quer  aprender como?

Te apresento o Namorado Gay em 30 Dias, primeiro programa do mercado brasileiro que ajuda você, homem gay, a conquistar e manter um companheiro de verdade em apenas um mês.

Clique aqui e conheça o Namorado Gay em 30 Dias.

Estão bombando também...

  • kauan andrade

    Eu amo seu blog cara, me ajuda bastante. Obrigado

  • Arthur Em

    mto bom , instrutivo , perfeito